Retrato de Luís Lavoura

Diversas pessoas (sobretudo de direita) defendem que o Tesouro português deve emitir obrigações de muito longo prazo. Outras pessoas (sobretudo de esquerda), pelo contrário, defendem que o tesourp deve emitir dívida de curto prazo (digamos, de seis meses a dois anos). Quem tem razão?
Trata-se de uma questão de expetativas sobre a taxa de juro. Não deveria ser encarada como uma questão política (direita versus esquerda), mas como uma questão de expetativas. A taxa de juro de longo prazo anda atualmente pelos 3%; a taxa de juro de curto prazo ronda os 0%. Logo, só faz sentido emitir dívida de longo prazo se se previr que, a breve trecho, a taxa de juro de curto prazo vá subir de 0% para mais de 3%. Prevê-se isso? Ou não?
Cada participante nos mercados financeiros tem as suas expetativas. Pessoalmente, encaro a crise financeira pela qual passámos como uma grave "crise de folha de balanço" e acredito que ela imporá taxas de juro muito baixas ainda por um decénio ou mais. (O Japão teve uma crise similar em 1990 e ainda hoje tem taxas de juro baixíssmas.) Considero, portanto, que a melhor política será a de privilegiar a emissão de dívida de curto prazo.
Aceito que outras pessoas tenham opinião diferente - mas devem fundamentá-la em expetativas sobre a evolução da taxa de juro, não em preferências políticas.

Empréstimos

Michelalbertplancq on Quinta, 02/11/2017 - 10:41
Olá Sir / Sra
Nós oferecemos nossos serviços para pessoas honestas que estão em necessidade de apoio financeiro ou atividades geradoras de renda e criar um futuro melhor com uma taxa de juros de 2% considerado. 
Eu diria que estou pronto para dar ao indivíduo.
Oferecemos-lhe empréstimos entre particular, de 5.000 € para 10.000.000 € para termos muito simples.
Estou disponível e disposto a discutir todas as suas necessidades financeiras nas seguintes áreas:
 
-Empréstimos imobiliários
-Empréstimos de investimento
-Auto empréstimo
-Consolidação da dívida
-Linha de crédito
-Segundas hipotecas
-Resgate de crédito
-Empréstimos pessoais
 
Não hesite em contactar-nos se você estiver interessado, o período de reembolso entre um para cada ano de acordo com a soma emprestada.
Nossos termos de empréstimo são:
 
- Um formulário para preencher.
- Um acordo de empréstimo deve ser feita pelo nosso notário
- Nossos empréstimos estão sujeitos a juros de 2% ao ano.
- Nossos empréstimos são normalmente pagos por cheque ou transferência bancária.
 
Me contactado por mail: [email protected]
No refrão sério!

  • As linhas e os parágrafos quebram automaticamente

Mais informação sobre as opções de formatação