Retrato de Luís Lavoura

Teve alguma razão o ministro angolano dos Negócios Estrangeiros quando anteontem, em entrevista à RTP, afirmou que as pessoas não estranham quando vêem um árabe rico e, da mesma forma, não deveriam estranhar quando vêem um angolano rico.

É um facto: a cleptocracia angolana é muito criticada enquanto que às cleptocracias árabes se fecha os olhos.

Aguardo resposta...

zeca marreca de braga (não verificado) on Quinta, 12/12/2013 - 15:08

Aguardo resposta...

E a cleptocracia

zeca marreca de braga (não verificado) on Quarta, 11/12/2013 - 18:47

E a cleptocracia Portuguesa?

Ou os nosso banqueiros e merceeiros são mais honestos e impolutos que os outros?

Em que é que o belmiro é melhor que um oligrca russo nascido com os vouchers? Em nada...

O problema, neste caso, é mesmo racismo...

  • As linhas e os parágrafos quebram automaticamente

Mais informação sobre as opções de formatação