Retrato de Luís Lavoura

O cognome "partícula de Deus", que um qualquer físico uma vez inventou para o bosão de Higgs, é particularmente horroroso. Como seria de esperar, a comunicação social agarrou esse cognome como um cão agarra um osso, e não o larga. Além de ser horroroso pelas suas conotações religiosas, é horroroso porque o bosão de Higgs não é assim tão fundamental e tão singular como o pintam.
Um outro disparate que alguns físicos propagaram é que o bosão de Higgs é responsável por dar massa a todas as outras partículas e, de facto, a todo o Universo. A imensa maior parte da massa do Universo tem origem na cromodinâmica quântica, isto é, tem uma origem dinâmica, e obtem-se pela condensação dos quarks e gluões em hadrões que têm massa. Isso nada tem a ver com o bosão de Higgs, o qual não interfere na cromodinâmica quântica. No Universo vulgar, o bosão de Higgs apenas é responsável por dar massa aos eletrões - os quais têm uma massa pequeníssima, irrelevante para a massa total do Universo.

Está muito silencioso por aqui! Porque não deixar uma resposta?

  • As linhas e os parágrafos quebram automaticamente

Mais informação sobre as opções de formatação