Retrato de João Cardiga

Infelizmente (ou felizmente para alguns) não tenho tido tempo para escrever artigos neste blogue, mas agora que terminou um ciclo eleitoral gostava de deixar duas notas breves sobre estas eleições:

- Julgo impressionante que as estruturas locais dos partidos do chamado “arco de poder” não encontrem pontos e bases comuns para criar uma união de forma a vencer as eleições nas autarquias de Oeiras e Gondomar. É que em ambas as Câmaras o PSD, CDS e PS têm mais votos que Isaltino ou Valentim. Seria interessante que estes partidos deixassem de palavras (de combate à corrupção) e passassem aos actos (neste caso o de retirar do poder quem abusa do mesmo. Relembro que me refiro a dois autarcas condenados de corrupção – julgo que no caso de Valentim é condenação efectiva e no caso de Isaltino o mesmo recorreu pelo que ainda não transitou em julgado). Era um enorme serviço público que prestavam ao país;

- Não entendo a organização territorial do país. Existem Câmaras que tiveram pouco mais de 2.000 pessoas a votar. Julgo que é altura de repensar a organização do país. Pessoalmente penso que câmaras com menos de 20.000 votantes deveria ser obrigadas a reorganizarem e que não se pode dar o mesmo peso a uma câmara de 3.000 e a uma de 300.000 votantes.

Bem, são temas para aprofundar posteriormente…

Retrato de João Cardiga

Muito Obrigado pelas tuas palavras!

João Cardiga on Terça, 13/10/2009 - 22:33

Muito obrigado pelas tua palavras!!! Tem sido dias bastantes complicados (e continuaram a ser...)

"Será que quem está a "dar o litro" para criar riqueza não tem tempo para estas coisas das discussões politicas?"

Tenho de gerir melhor o meu tempo (sinal que ainda tenho bastante para amadurecer), no entanto também gosto ir buscar informação para escrever artigos o que dificulta muita a escrita efectiva. É que artigos já "tive" muitas na minha cabeça, só que depois não há tempo para os concretizar...

"Será por isso que cada vez temos politicos com menos conhecimentos do País real?"

Aqui está um ponto interessante que levaria a uma grande discussão. Eu julgo que condiciona bastante a qualidade dos politicos o facto de poucas pessoas terem disponibilidade para debater os assuntos, isto unido ao facto de muitos politicos viverem estritamente num circulo muito fechado faz com que haja uma enorme separação entre o mundo politico e o mundo propriamente dito. Julgo que um politico deveria de vir da vida activa e não de uma carreira estritamente partidária...

Retrato de artur baptista

Caro João, já estava a

artur baptista on Terça, 13/10/2009 - 13:24

Caro João, já estava a notar a falta dos teus comentários!
Mas esse é um bom tema para discussão. Será que quem está a "dar o litro" para criar riqueza não tem tempo para estas coisas das discussões politicas? Será por isso que cada vez temos politicos com menos conhecimentos do País real?

  • As linhas e os parágrafos quebram automaticamente

Mais informação sobre as opções de formatação