Retrato de Luís Lavoura

É curiosa a indiferença da França perante o que se está a passar na República Centro-Africana, especialmente após ter sido tão voluntariosa a intervir no Mali. Será que os galhardos soldados franceses se cansaram de dar tiros? Será que o orçamento do Estado francês para intervenções libertadoras em África se esgotou? Será que, no entender do Estado francês, os novos senhores da RCA são uns tipos porreiros que devem ser deixados em paz, por mais que o povo sofra?

Eu, pelo menos, estou satisfeito: considero que devem ser os centro-africanos a resolverem, bem ou mal, depressa ou devagar, os seus problemas. Nenhum estrangeiro tem nada que ir lá interferir.

Está muito silencioso por aqui! Porque não deixar uma resposta?

  • As linhas e os parágrafos quebram automaticamente

Mais informação sobre as opções de formatação