Retrato de Luís Lavoura

Há quem ache que foi um erro não ter deixado a Turquia entrar na União Europeia.

Eu acho, não somente que isso foi correto, como também que é um grave erro manter a Turquia na NATO.

O problema é que a Turquia não é somente Istambul e Esmirna. A Turquia é também o Curdistão - terra de costumes bárbaros e na qual a Turquia protagoniza uma guerra muito feia.

Agora a Turquia começou a bombardear território sírio que a milícia curda ameaçava conquistar. A posição da Turquia é clara: combater as milícias curdas, inclusive em territórios iraquiano ou sírio.

E ninguém põe a Turquia na ordem, por ela ser membro da NATO.

A Turquia abriga-se no seu estatuto de membro da NATO para levar a cabo uma guerra ofensiva, não somente contra parte do seu próprio povo, como também contra o povo de países estrangeiros.

Está muito silencioso por aqui! Porque não deixar uma resposta?

  • As linhas e os parágrafos quebram automaticamente

Mais informação sobre as opções de formatação