Retrato de Luís Lavoura

A direita portuguesa fartou-se de criticar e de fazer chistes com a política comercial de José Sócrates vis a vis a Venezuela. Criticou-se o facto de Sócrates ter ido a uma cimeira ibero-americana fazer publicidade ao computador Magalhães, criticou-se a amizade de Sócrates com Hugo Chávez.

Pois hoje presenciamos o ministro Paulo Portas do CDS a dirigir-se à Venezuela à frente de uma embaixada comercial de dimensão nunca vista, para prosseguir e ampliar, gaba-se Portas, os acordos comerciais feitos por Sócrates.

E em Portugal a direita nem pia.

 

(A minha opinião sobre a matéria é coerente: Portugal deve comerciar com todos os países do mundo - sobretudo com os que têm dinheiro para nos pagar! Sócrates fez bem e Portas faz bem. A política externa portuguesa deve ser baseada na não-ingerência nos assuntos internos de outros países e no comércio amigável com todos.)

Está muito silencioso por aqui! Porque não deixar uma resposta?

  • As linhas e os parágrafos quebram automaticamente

Mais informação sobre as opções de formatação